Tratamento - Implantes DentaisTratamentos Tratamento - Cirurgia de Fraturas Faciais Tratamento - Cirurgia Ortognática Tratamento - Próteses Dentais Tratamento - Odontologia Digital Tratamento - Laserterapia Tratamento - Disfunção Temporomandibular Tratamento - Enxertos Ósseos e Gengivais Tratamento - Implantes Dentais Tratamento - Cirurgia Dento-Alveolar Voltar Implantes Dentais

A perda de dentes gera a necessidade de uso de próteses como pontes e dentaduras, causando incômodos, dificuldades para falar, respirar e alimentar-se, algumas vezes com dor e irritação na gengiva. Muitas pessoas desenvolvem problemas psicológicos por terem estas limitações. Para estes casos, podem utilizar implantes dentais.

Modernamente, os implantes dentais são substitutos das raízes dentárias perdidas, sendo usados para fixar próteses (dentes artificiais) de um ou mais dentes, até de toda a arcada (todos os dentes superiores e/ou inferiores).

Os implantes dentais modernos não correm risco de rejeição, sendo inseridos no osso cirurgicamente sob anestesia local e se unindo a ele. A partir desse fenômeno chamado osseointegração, pode-se substituir próteses móveis por fixas, melhorando a mastigação, a fala, a estética e devolvendo a auto-estima e a qualidade de vida perdidas.

Os implantes são basicamente parafusos metálicos, feitos na maioria dos sistemas de uma liga metálica de titânio. Este material se une de forma eficaz ao osso e assim permanece por toda a vida. Existem muitos fabricantes no Brasil, mais de 100 marcas diferentes, cada uma tem características próprias. A escolha do sistema cabe ao cirurgião, que usa critérios de qualidade do material, garantia de reposição em caso de falha dos produtos, facilidade de uso e conforto para o paciente, entre outros.

Atualmente os implantes dentais vêm sendo reduzidos em largura e comprimento, o que permite seu uso em maior número de casos sem o uso de enxertos ósseos. Estes sistemas de implantes usam metais mais avançados que o titânio, que conferem mais resistência para implantes menores. Isso permite cirurgias menores com melhores resultados. Esses novos implantes permitem construir coroas sobre implantes mais curtos e mais estreitos com segurança comparável aos implantes tradicionais.

Contato / Agendamento

Como Chegar